O Carcará entrevistado pelo Black Java

Fiz várias tentativas para escrever um texto de introdução para a entrevista com Bráulio Estima. Todos, após revisão, pareciam ficar aquém do que este

braulio1 lutador merece. Desde o primeiro contacto com o Black Java, que Braúlio tem sido um verdadeiro campeão, humilde e simpático.

Faixa preta formado por Zé Radiola, Braúlio é o responsável pela escola Gracie Barra em Birmingham, onde também podem ser encontrados outras faixa preta de renome, como o seu irmão Victor Estima e Otávio Souza.

Tive o prazer de ver ao vivo todas as lutas de Braúlio no último Europeu e testemunhar o que dele se diz… Que tem um dos jogos mais “elegantes” da alta roda do Jiu Jitsu internacional.

Antes da entrevista, aqui ficam alguns dos feitos desportivos deste lutador:

  • Campeão do Mundo em 2004, 2006 e 2009
  • Campeão do Mundo no Absoluto em 2002
  • Campeão Europeu e no Absoluto em 2007 e 2009
  • Campeão Pan-Americano em 1999, 2001, 2002, 2003 e 2006
  • Campeão Pan-Americano no Absoluto em 2003
  • Campeão no Peso e no Absoluto no ADCC Barcelona em 2009
  • Campeão Pan-Americano (No GI) no Peso e no Absoluto 2008

Braulio_Jiu_Jitsu_Graciemag_GRACIE_02

ENTREVISTA:

P: Há quanto tempo praticas Jiu-Jitsu e o que te trouxe até este desporto?

R: Eu comecei em Outubro de 1996. Estava a começar a praticar Judo, quando um amigo me introduziu ao Jiu-Jitsu com a intenção de melhorar o meu Judo. Mas as coisas rapidamente mudaram e hoje em dia é o Judo que me ajuda no Jiu-Jitsu.

P: O que sentiste quando colocaste a faixa preta à volta da tua cintura pela primeira vez?

R: Bem, parecia que algo não estava bem, parecia demasiado (risos), senti-me diferente, esquisito, mas rapidamente a faixa preta passou a ser parte de mim.

P: Braúlio, uma vez que o teu registo competitivo está tão recheado de vitórias, fala-me de uma derrota que não tenhas esquecido. O que aprendeste com isso?

R: Eu aprendi com todas as minhas derrotas. Recordo-me de cada uma delas com o máximo detalhe.

P: Diz-me um lutador que realmente admires.

R: Roger Gracie.

P: Que conselho podes dar aos faixa branca que nos estão a ler?

R: Um faixa preta é um faixa branca que nunca desistiu. Por isso não parem de treinar. Toda a gente tem altos e baixos neste nossa Viagem, eu ainda os tenho, e se pensam que são só vocês que sentem um frio no estômago antes de lutar, que ficam noites sem dormir antes de uma competição e que vos seca a boca antes de subir no tatame…bem vindos ao clube, pois eu sou assim e todo a gente é assim. Faz parte.

O Campeão do Mundo terminou, enviando um abraço forte para todos os alunos de Sérgio Vita e para  todos os praticantes de Jiu-Jitsu em Portugal.

Quem quiser deixar uma mensagem para este grande atleta, pode usar os “comentários” que mais tarde Braúlio Estima passará por aqui para ler.

Anúncios
por Zack

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s